segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Vila Maria da minha vida





Festa, festa e mais festa.
Tem um ditado do qual gosto muito que diz que "penalti e festa não se perde".
Como não jogo nada de bola, procuro não perder as festas para qual sou convidado (e para aquelas que não sou, também).
Pois bem, sampa, sábado a noite, chovendo muito, lá estava numa quadra futebol society a turma toda da Vila Maria para.... festejar a vida.
Amigos de 40 anos (colegas de berçário), se abraçavam, se beijavam, passavam a mão na bunda dos outros, uma farra.
As esposas, namoradas, filhas e até netos lá presentes.



Rock, muito rock. Fiz sucesso com meu autógrafo do Jimmy Page.
Cerveja, então.... Uma atrás da outra.
Um churrasco muito bem capitaneado pelo Beto e pelo seu pai, o Claudinei.
Amigos de cabelos brancos (eu, incluso), carecas (muitos) e muita conversa jogada fora.
Que venham mais festas como esta.

Viva a vida. Viva a Vila. Viva a vida na Vila Maria.

2 comentários:

paulorbarroso disse...

WASHITONG DA SILVA, BELAS PALAVRAS. TE MANDO ALGO QUE TEM TUDO A VER COM SEU POEMA E A FESTA: É UMA MÚSICA COMPOSTA PELO NILSON E PELO MIGUEL. TALVEZ VOCÊ E OS DEMAIS PRACEANOS NÃO SE LEMBREM. Abs. Badão quase sessentão

AOS AMIGOS DA PRAÇA MALDITA

Encontrem outras maneiras de viver
sem ter de amar e nem beber
e nem correr na escuridão
Vejam se há respostas pra estas leis:
ter que acordar antes das seis
e de noite ver televisão
E quanto mais a gente passa pela Praça
sente o peso da desgraça
no concreto e na vidraça
ou na fumaça incessante do motor
E vê que a vida se reparte em avenidas
todas elas sem calçadas
interditadas e oprimidas

E que ninguém tenha a ousadia de mudar este setor!

Dar outra cor
mas por favor
tragam nova ajuda, se possível,
de algum Cristo bem visível
ou de algum Buda bem real
Mas saibam que se não der eu não ligo
tragam apenas um amigo
pra ser mais um neste ideal
pra ser mais um neste ideal...

Cidavs disse...

Lindo, lindo, lindo!!!! Foi emocionante ver e rever tanta gente querida! São nestas horas que percebemos que, de fato, toda maneira de amor vale a pena!

bjs

Cida